domingo, 11 de novembro de 2012

O dia depois da raiva

Foi como o que minha coach disse: amar não é fácil. Esse negócio de "na alegria e na tristeza" não tem nada de tranquilo. Porque tem momentos que as pessoas que amamos nos magoam (e isso acontece com razoável frequência). E as pessoas não são descartáveis. Não posso deixar de ser amiga, irmã, namorada, filha de outra pessoa só porque discordamos em uma opinião. Amar é saber passar por cima disso, saber que o que aconteceu é menor que todo o resto, e lidar com a situação. O que não significa ceder, ou sobrepor. Significa co-existir.



Um comentário:

Regina disse...

I love you!!!!!!!